23 de maio de 2011

Papo de boteco - Sei-lá-que-diabo Mágico e a banda Fofa.

- Como chama aquela banda com uns caras vestidos de palhaço que apareceram na internet.
- Não-sei-o-que Mágico. Quarteto Mágico, Lanterna Mágica, Balão Mágico...
- Esse mesmo. Sei-lá-que-diabo Mágico. Os caras surgiram na internet, fizeram um puta sucesso de dois dias e agora, ninguém fala deles.
- É daí?
- Daí que o Sei-lá-que-diabo Mágico da vez chama: A banda mais fofa da cidade.
- Eu ouvi esses caras. Uma molecada meio metida a hippie e tal. Gostei do som.
- Ah, pelo amor de Deus, um som chato, pretensioso...
- Tá vendo como você é. Tá sempre reclamando que não tem novidade e quando aparece uma, mete o pau.
- Que novidade? Puta sonzinho manjado. Logo, logo, ninguém mais fala dos caras. Que nem aquela mina que namora o cara dos Hermanos.
- Essa mina faz sucesso. Ta aí nas paradas, você é que tá por fora.
- Eu não ouço rádio, não vejo TV. Esses meios de comunicação aí, é só merda. O negócio é Ramones na vitrola e uiscão na mesa. Isso é cultura. Essas merdas que aparecem na internet e depois somem, tão por fora.
- Já saquei a sua. Você tá com bronca porque as bandas somem. Na verdade você tá com saudades do Lanterna Mágica.
- Que Lanterna Mágica! Agora eu só ouço "os fofos também amam", como é que é,  "a banda mais fofa da última temporada".
- É uma porra assim. O som dos caras é legal.
- é uma porra que é.

Nenhum comentário: