21 de junho de 2011

Conversa de busão - A Chapinha é minha.

Duas garotas - de cabelo liso - sentadas no banco mais alto.

- Meu pai está me enchendo o saco por causa da chapinha. Todo dia ele pergunta: "Cadê a chapinha? Cadê a chapinha?"
- Que chapinha?
- Ele me deu uma chapinha de presente, mas eu vendi.
- Ah...
- Se eu dei, se vendi, se joguei fora, o quê que ele tem com isso? Ele não me deu? Se me deu é meu.
- Por quê você vendeu?
- Eu já tinha uma, pra quê que eu quero duas?
- Mas, se você já tem uma, por que ele te deu?
-  Ele ganhou. Ele comprou um celular nas casas Bahia e ganhou a chapinha... Agora ele falou pra mãe que se soubesse que eu ia vender, ele mesmo vendia e ficava com o dinheiro.
- Você vendeu por quanto?
-  50 conto! É 50 conto que ele quer? Eu dou 50 conto pra ele. Fica enchendo o saco por causa de 50 conto! Devê pá pobre é pobrema.
- Ô se é!

Um comentário:

yanna disse...

Oii , eu adorei aqui , tudo muito lindo . Eu fiz um blog recentemente então se quiser dar uma olhada , e seguir se gostar . Obrigada http://mundodeyanna.blogspot.com/